Recuperação de Crédito Tributário: a salvação para as suas finanças!

Recuperação de Crédito Tributário

Compartilhe nas redes!

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Sabe todo aquele dinheiro gasto com impostos pagos de forma excessiva? Pode haver um jeito de recuperá-lo!

A Recuperação de Crédito Tributário não é um tema novo. Muito pelo contrário, é algo bastante discutido no mundo contábil. Porém, geralmente é tratado como uma lenda ou um processo impossível de ser realizado.
Você já ouviu falar dessa solução, que pode salvar a sua empresa?
Durante a crise, o empresário levanta diversas hipóteses que poderão ajudá-lo a poupar dinheiro, principalmente no que diz respeito a impostos. Pagar o que é necessário e obrigatório é inevitável. Entretanto, a maior parte das empresas paga mais impostos do que deveriam.
A situação fica ainda mais complicada quando estudamos as razões que levam o empresário a pagar encargos em excesso. Podemos citar o receio que o gestor possui em relação à Receita Federal.
Mas que receio é esse?
Ainda hoje, existe a crença de que pagar todos os impostos irá prevenir quaisquer irregularidades. É uma meia verdade, pois quando pagamos todos os encargos obrigatórios, é praticamente impossível encontrar algo irregular. O problema é que pagar a mais acarreta em outros problemas e, em alguns casos, é impossível recuperar os valores que foram pagos em excesso.
Por isso, é importante que o empresário trabalhe com um planejamento tributário criado para adequar-se às necessidades e peculiaridades do seu negócio, atendendo todas as obrigatoriedades previstas pela lei.
É, também, importante entender que é possível pagar menos impostos dentro da lei. A Receita Federal não é o monstro implacável que se popularizou no mundo corporativo. O gestor pode pagar menos impostos, desde que entenda perfeitamente quais são suas obrigações e que tributos não precisam ser pagos pela sua empresa.
Contudo, a tarefa se mostra como algo difícil de ser realizado. O empresário precisa lidar com diversas tarefas que implicam no sucesso ou fracasso de projetos, vendas e, até mesmo do seu negócio. Falta tempo para cuidar de toda a contabilidade. Por isso, o investimento em um contador é vital para a saúde dos negócios.
Lembrando que essas medidas visam prevenir a perda e o desperdício de recursos financeiros por parte da empresa. Mas e quanto aquilo que já foi gasto?

SOLUCIONANDO OS PROBLEMAS COM A RECUPERAÇÃO DE CRÉDITO TRIBUTÁRIO

Ainda pode haver solução. A recuperação de crédito tributário chega para auxiliar o empresário a recuperar o dinheiro usado para pagar encargos em excesso – dentro de um período de cinco anos.
O prazo existe devido à prescrição.
De acordo com o artigo 168 do CTN, o Código Tributário Nacional, os créditos constituídos através da recuperação de crédito tributário devem ser utilizados dentro de um período de cinco anos. Caso contrário, os créditos serão perdidos e não poderão ser recuperados.
Todos os créditos recuperados podem ser utilizados para o pagamento de encargos. Por isso, ainda existe esperança para aquele dinheiro que foi gasto com taxas inadequadas.
A recuperação de crédito tributário pode se provar um verdadeiro aliado para o empresário!
Rejeitar esse direito é vendar os próprios olhos diante da complexidade dos encargos brasileiros. Enquanto não há qualquer previsão concreta para a implementação da reforma tributária, a revisão de todos os tributos pagos pela empresa e os eventuais pedidos de recuperação de crédito tributário se tornam verdadeiros heróis para as empresas que, cada vez mais, enxergam os créditos como a salvação para as contas do seu negócio!
Mas como saber quais taxas foram pagas em excesso?
O primeiro passo é realizar uma revisão tributária, que irá analisar todos os encargos pagos pela empresa, cuja busca minuciosa ajudará o gestor e a contabilidade a compreender a realidade do negócio e quais as possibilidades em relação às finanças.
Através de uma revisão tributária eficaz, será possível antecipar quaisquer problemas com relação ao pagamento de impostos que possam vir a ocorrer, baseado no histórico tributário da empresa.
Não espere mais. Converse com o seu contador e invista já na recuperação de crédito tributário! Abra as portas da sua empresa para aquela que pode ser a solução dos seus problemas.

Entre em contato conosco e saiba mais!

Sucesso e até logo.

Compartilhe nas redes:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Posts Relacionados

CIAP: como funciona?

Compreender a importância do Controle de Crédito do Ativo Permanente é extremamente necessário para evitar irregularidades

Ideias para motivar, melhorar a qualidade de vida e tornar seus colaboradores mais produtivos.

Além dos benefícios trabalhistas obrigatórios por lei e os tradicionais como Vale Refeição e Plano de Saúde, algumas empresas oferecem vantagens extras aos seus colaboradores como complemento de remuneração. O objetivo é reter talentos e aumentar a produtividade das equipes. Esses podem fazer a diferença para o colaborador. É o que diz Ronn Gabay, especialista em benefícios na Bematize.

Back To Top